Destaques do 3º ITR 2015.

Destaques do 3º ITR 2015.

Encontram-se disponíveis no site da Companhia bem como no site da CVM as informações na sua integra a respeito do 3º ITR 2015.

 

Destaques do 3º ITR 2015.

 

Após trimestres muito difíceis para a Altona, obrigando a administração a realizar uma grande reestruturação no início de 2015, é com prazer que apresentamos o balanço do 3T15 com um robusto lucro líquido de R$ 1,7 milhões.

 

O EBITDA de R$ 8,1 milhões obtido no trimestre demonstra o resultado do ajuste feito na operação, além do comprometimento da empresa com cortes de custos. A margem Ebitda também foi um destaque positivo, tendo atingido 19,5%, a maior desde o 2T12.

 

O mercado interno segue muito difícil e no acumulado dos nove meses de 2015 acumulamos redução de 41,3% na produção em toneladas em relação ao mesmo período de 2014.  Conforme já foi informado nos comentários da administração dos últimos trimestres, a recessão econômica no Brasil continua a provocar impactos na Altona.

 

Além da reestruturação, que gerou despesas não recorrentes de R$ 5,5 milhões no primeiro semestre de 2015, a empresa também propôs a redução de jornada de trabalho e salários para o período de julho a dezembro de 2015, que foi aprovada em assembleia dos funcionários.

 

 Agora a Altona se mostra mais ajustada à realidade da economia brasileira e está pronta para retomar investimentos e contratações quando a situação permitir.

 

Por outro lado, se o mercado interno está muito difícil, as exportações apresentaram bom desempenho, tendo sido fortemente beneficiadas pelo atual patamar do dólar. A receita líquida no mercado externo totalizou R$ 62,5 milhões no acumulado de 2015, um crescimento de 20% em relação ao mesmo período de 2014.

 

A receita no mercado externo se tornou ainda mais relevante para a Altona e respondeu por 55% da receita líquida total, um ganho de participação em relação aos 38% do mesmo período de 2014. A Altona segue em busca de novos clientes, principalmente no mercado externo, para que consiga retomar o crescimento de volume produzido e consequentemente sua geração de caixa.

 

 

 

Blumenau, 26 de outubro de 2015.

 

 

Cacídio Girardi

Diretor Presidente e de Relações com Investidores


Rua Engº Paul Werner, 925 | Blumenau/SC | 89030-900
55 47 3321 7788